terça-feira, 27 de abril de 2010

Tristeza

Tristeza que me persegue
Tristeza que me pegou
Me pegou de jeito,
E agora não mais consigo correr dela.

Tristeza sobe por entre minhas pernas
Domina meu corpo
Domina meu coração
Já dominou até minha cabeça.

E como diria nosso querido poeta
Vinícius de Moraes
"Tristeza não tem fim, felicidade sim!"

Ó, como ele tem razão.
Está difícil de conseguir tirar do meu corpo
Esse sentimento ruim que me consome
E o que mais nos resta?
Vamos dormir, dormir para que vire promessa!

2 comentários:

Flavius disse...

...é verdade

Milla Kowalewski disse...

Os textos mais incríveis que já li tinham alguma relação com a tristeza. Espero que você não esteja mais triste :D

Eu procurei tristeza no google e saí lendo muita coisa, porque estava triste.

Parabéns, e obrigada.